quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Entre desejos e constatações.


10 coisas que desejo para 2011:

-Passar em todas matérias dos períodos na faculdade.
-Tirar meu passaporte e viajar para os EUA.
-Cumprir melhor o horário da academia para que eu possa ficar com o corpo que eu realmente quero.
-Ganhar/colher mais flores.
-Cozinhar mais,me alimentar melhor.
-Sorrir mais.
-Ser mais positiva.
-Economizar mais dinheiro,gastar menos com coisas desnecessárias.
-Viver mais e melhor meu lado espiritual.
-Aquelas velhas coisinhas clichês de todo fim de ano,mas sempre necessárias para um bom ano:amor,paz,saúde,prosperidade,etecétera etecétera e etecétera.

9 bandas que eu amo:

-Placebo.
-A-ha.
-Death cab for cutie.
-Los hermanos.
-Fresno.
-Oasis.
-Travis.
-Coldplay.
-The beatles.

8 coisas de todo dia:

-Tomar café,ainda que seja pouco ou garrafas,sempre tomar algum.
-Ouvir música.
-Orar ao levantar e ao deitar.
-Refletir sobre tudo.
-Banhos mornos.
-Dar nem que seja uma passada pela internet.
-Prometer algo a mim mesma,ainda que eu não saiba se vou cumprir de fato e se isso pode ser bom/ruim pra mim.
-Falar com pessoas que gosto.

7 coisas que gosto:

-Zebras.
-Café.
-Cafuné na cabeça.
-Flores.
-Balões.
-Casa na árvore.
-Cinema antigo.

6 coisas que vão sempre ganhar meu coração:

-Sorrisos espontâneos,sinceros,largos.
-Uma boa música.
-Cartinhas sejam de amor ou só pra simbolizar afeto,ainda que isso também seja amor.
-Audrey Hepburn.
-Chocolate.
-Carinhos.

5 favoritos:

-Filme: "O fabuloso destino de Amelie Poulain".
-Música: "Blind" (Placebo).
-Livro: "O pequeno príncipe" (Antoine de Saint-Exupéry.)
-Comida: Lasanha.
-Estação: Primavera.

4 cheiros que gosto:

-Cheiro de livro novo.
-Cheiro de gasolina.
-Cheiro de café saindo na hora.
-Do perfume "Animale".

3 lugares que quero conhecer:

-Egito.
-Alemanha.
-Bonito (MS).

2 feriados preferidos:

-Páscoa.
-Natal.

1 pessoa que eu casaria na hora,sem pensar:

Wentworth Miller.

(Thaís Tenório.) :D

"..o espelho e os sonhos são coisas semelhantes,é como a imagem do homem diante de si próprio.."

[José Saramago.] :D

"..eu não sou cristão.eu não sou ateu.eu não sou japa.eu não sou chicano.eu não sou europeu.eu não sou negão.eu não sou judeu.eu não sou do samba nem sou do rock.minha tribo sou eu.eu não sou playboy.eu não sou plebeu.não sou hippie hype skinhead.nazi fariseu.a terra se move.falou galileu.não sou maluco nem sou careta.minha tribo sou eu.pobre de quem não é cacique,nem nunca vai ser pajé.."

(Zeca Baleiro.Minha tribo sou eu.) :D

PS: desulpem a demora,mas vocês já sabem..minha odisséia sem pc,infelizmente,ainda prossegue.
PS do PS: ideia do post roubada da fofnha,@flahpinheiro lol :x
PS do PS do PS: muitas coisas,como músicas,livros,etc foi dificil escolher um(a) só..mas acho que essas(es) representam bem (=
PS do PS do PS do PS: sim,no fim,também me casaria de boa com o Johnny Depp,Brian Molko e Morten Harket auhauhuahuahuau' OMG *-* mas o Wentworth Miller é tudo que há de bom nessa vida *-*
PS do PS do PS do PS do PS: espero realizar tudo isso,ou pelo menos parte disso (YN) e que vocês realizem seus desejos também *-* (YN).
PS do PS do PS do PS do PS do PS:bonne année à tours (F).
PS do PS do PS do PS do PS do PS do PS: já chega de ps's por hoje né? uhuahau',beijos e beijos ;*

sábado, 25 de dezembro de 2010

Um pássaro,um penhasco e a liberdade.


 Ela estava num penhasco.Muitos pássaros rodeavam o lugar,como que se esperassem que algo acontecesse.Ela,até então estava parada.Sentou-se na borda.E como magia,um dos pássaros pousou ao seu lado e a encarou.De repente,a garota pensou se estava ficando louca,pois,do nada o pássaro começou a falar com ela.
Pássaro: O que te aflige,querida?
Ela: Não sei ao certo..é como se eu me sentisse leve e ao mesmo tempo carregando uma cruz muito pesada.É como se eu tivesse resolvido tudo e ao mesmo tempo a cada passo que eu dou mais lacunas aparecem,para serem preenchidas.É como se eu estivesse a um passo da felicidade extrema e da melancolia exarcebada,ao mesmo tempo.
Pássaro: Isso é normal,minha flor,você tem passado por muitas coisas,é mais do que normal estar confusa e viver em uma roda gigante de sentimentos distintos.Talvez você só esteja precisando aceitar um pouco mais os fatos que você insiste em contorcer e não crer..aceitar as dificuldades..assim como aceitar também os momentos de calmaria e vitórias.Tudo acontece por um motivo..e creio eu,que seja para que você enxergue onde realmente quer ir,como você quer ser,o que quer fazer,e como andar até a tal da felicidade.Você só precisa ter calma,refletir,escolher,relaxar,abstrair um pouco daquilo que te faz mal,te deixa confusa.Você tem que se sentir livre,como eu quando bato graciosamente minhas asas em busca de paz,bem estar e beleza..você precisa se sentir livre,de tudo e de todos,livre pra você,pra seu caminho,sua felicidade,sua paz.
Ela parou e ficou impressionada como aquele pássaro,aquele pequeno ser,o qual falava com ela e ela não sabia se era de verdade,se era o seu subconsciente ou pura magia..mas ele falava e ela sentia uma necessidade enorme de gritar,sorrir e chorar ao mesmo tempo,de pular,de voar..livre..livre para ela,para sua paz,sua felicidade..livre.Foi quando ele partiu,junto com outros pássaros e ficaram a rodear o penhasco.Nesse instante ela soube o que queria fazer,sem medo e com intensa vontade,ela se levantou,foi até a ponta do penhasco,respirou fundo,contemplou a paisagem e pulou.mesmo sem asas,ela voava..sentia o vento forte no seu rosto,sentia o frio na barriga,o sorriso agitado em meio a lágrimas doces,sentia natureza, o toque divino e sentia paz..sentia liberdade..ela estava bem agora.Ela se libertou.

(Thaís Tenório.):D

"..isto é a liberdade: sentir o que o seu coração deseja,independente da opinião dos outros.."
[Paulo Coelho.]:D

"..à minha volta são todos rostos familiares.lugares desgastados.rostos desgastados.claro e cedo para suas corridas diárias.indo a lugar nenhum.indo a lugar nenhum.e suas lágrimas estão enchendo seus óculos.sem expressão.sem expressão.escondo minha cabeça,quero afogar meu sofrimento.sem amanhã.sem amanhã.e eu acho isso meio cômico.e eu acho isso meio triste.os sonhos nos quais eu estou morrendo são os melhores que eu já tive.eu acho dificil te dizer.porque acho dificil de entender.quando as pessoas andam em círculos é um mundo muito louco.muito louco.mundo louco.mundo louco.crianças esperando pelo dia que se sintam bem.feliz aniversário.feliz aniversário.e eu me sinto do jeito que toda criança deveria.sentar e escutar.sentar e escutar.cheguei à escola e estava muito nervoso.ninguém me conhecia.ninguém me conhecia.olá,professora,diga-me minha lição.olha através de mim.olha através de mim.e eu acho isso meio cômico.e eu acho isso meio triste.os sonhos nos quais eu estou morrendo são os melhores que eu já tive.eu acho dificil te dizer.porque acho dificil de entender.quando as pessoas andam em círculos é um mundo muito louco.mundo louco.ampliar teu mundo.mundo louco.."

(Gary Jules.Mad world.):D

PS: desculpem a demora para atualizar..mas sabe como é né..férias e pá,sem contar que meu notebook "morreu" :/
PS do PS: um feliz natal para todos (F).
PS do PS do PS: sem muito pra falar..beijos e beijos ;*


segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

O aniversário de um anjo.





Sim,já fiz post sobre ela algum tempo atrás..mas hoje,hoje merece, like always.Quando a gente nasce,não sabemos o que vai acontecer com a nossa vida..com a dos outros..se vamos sofrer demais..se vamos ser felizes..se vamos morar em outro país..não sabemos quem vamos conhecer..quem vai permanecer..quem vai embora..não sabemos..são inúmeras perguntas,sem respostas..pelo menos,no dia que você nasce.Daí você vai crescendo..e as respostas vão surgindo através das pessoas que você passa a conhecer ou a se decepcionar..com as atitudes que você toma..com a de outras pessoas em relação a você e assim,vai indo.Muitas vezes eu costumo refletir sobre as pessoas que surgiram na minha vida e fico me questionando qual o verdadeiro papel delas pra minha vida..o por que de Deus ter enviado cada uma delas em algum momento da minha estrada.E aí,ontem,mais precisamente,eu parei..já pensando no texto que faria aqui hoje..nesse dia tão especial e iluminado..sim..e ao pensar no dia que hoje seria já me veio ela na cabeça..e já me veio a resposta da pergunta: qual o papel de Larissa Rodrigues Ferreira Freitas na minha vida?e acreditem,não me veio só uma resposta,digamos assim,surgiu uma enxurrada de coisas.O que me veio primeiro em mente é que exatamente no dia 20/12/1993 bem pertinho do Natal, " o cara lá de cima " mandou um anjo pra Terra..o meu anjo.Alguém que chegou um pouquinho depois de mim,mas que não importava qual que seria a diferença de idade,seria a pessoa responsável por muitos dos meus sorrisos,abraços,passos..referência de amizade,lealdade,sinceridade,companheirismo,ternura,positividade..ela seria referência de anjo da guarda pra mim,porque eu sei que ela veio pra ficar,pra não ma abandonar,não me machucar,me apoiar,me ajudar a levantar nas quedas da vida,a dizer coisas simples,singelas,bonitas e têm um efeito gigantesco..alguém que só pode ter sido enviado por ele pra me mostrar o que é o amor de verdade..o dar sem querer nada em troca,o respeito pelo que o outro é,a mão que afaga e a que te mostra que não é bem assim,que consegue te trazer lágrimas de felicidade,de emoção..que mesmo sem dizer uma palavra,se perto de você,é como se ouvisse todos os melhores conselhos e palavras do mundo,porque aquela pessoa está ali,ao seu lado e isso quer dizer muita coisa.Talvez muita gente pense que a gente se dá bem porque somos primas..mas vai além..o que eu sinto por você,Calisto (lol) vai além do sangue,de mim mesma,vai além do espírito,vai além do próprio amor.Uma vez eu disse pra você que até Deus se surpreende com o tamanho do sentimento que eu tenho por ti,e falei e falo sério,você é uma das raríssimas pessoas que eu sou capaz de muita coisa se no final eu ver um sorriso,a satisfação,a paz,a felicidade no seu rosto.Eu só quero o teu bem e tudo o que eu faço é pro seu bem também,soa como frase de mãe,pode até ser,afinal,mãe é o ser que mais pode amar,logo,quem ama quer o bem,então eu quero o seu bem porque eu te amo.E te amo de um jeito tão diferente de tanta gente..de tanta coisa..é tão grande e incondicional que até eu mesma,confesso,me assusto um pouco de vez em quando,porque eu não sabia que o que eu sinto por você ultrapassa qualquer limite e que algo tão gigantesco coubesse aqui dentro de mim e na minha alma..é porque quando me assusto assim e fico pensando nesse sentimento todo,começo a acreditar que essa nossa ligação,esse afeto,essa irmandade por escolha,essa troca boa não vem de agora..vem de outros tempos..só a espiritualidade pra explicar..fato.Mas não vou me prolongar mais (lol) afinal,eu sei que você já sabe de tudo isso..ou melhor ainda,sente tudo isso.Obrigada por ter nascido,por ter aparecido como meu anjo,por ser quem você é pra mim e pra muita gente..não tenho dúvidas que você é um ser iluminado,especial,com um toque diferente de Deus e que tem uma missão muito linda aqui na Terra..a de encantar e zelar pelas pessoas ao seu redor,te admiro sem sombra de dúvidas,torço por você sempre,e tenho consciência de que você é e será cada vez mais feliz,obrigada por sempre estar do meu lado..mesmo quando a distância se faz presente,obrigada por ser minha amiga,prima,irmã,anjo..obrigada pelas bobagens que só a gente sabe e entende,obrigada por cada dia que passei ao seu lado,obrigada por você.Feliz aniversário,wife..que cada palavra que eu escrevi aqui se reverta em mais e mais coisas boas pra ti.Que você seja feliz e realizada hoje e sempre.E não mude,o mundo precisa de pessoas como você,puro amor,pura luz.Eu te amo muito,agora,para sempre e até depois do sempre.

(Thaís Tenório.):D

"..se alguém ama uma flor da qual só existe um exemplar em milhões e milhões de estrelas,isso basta para que seja feliz quando as contempla..ele pensa: 'minha flor está lá,nalgum lugar'..mas se o carneiro come a flor,é para ele, bruscamente,como se todas as estrelas se apagassem.."

[Antoine de Saint - Exupeéry.Trecho do pequeno príncipe.]:D

"..nesse mundo de pessoas comuns.de pessoas extraordinárias.estou feliz que você existe.neste mundo dos prazeres mais cotados.de tesouros subestimados.estou feliz que você existe.eu vivo para o amor.gosto de viver com você ao meu lado.este papel tão novo.eu vou a pé através de você,para me guiar.neste mundo onde muitos brincam de amor.mas quase nunca permanecem no amor.estou feliz que você existe.mais do que nunca.estou feliz que você existe.."

(Beyoncé.I'm glad there is you.):D

PS: happy b-day,wife \o/
PS do PS: porque não tem como ver/ouvir a Bee e não lembrar dela.#FATO
PS do PS do PS: parece que o inverno gosta mesmo de Garanhuns City vum lol
PS do PS do PS do PS: saudades de algumas pessoas *-*
PS do PS do PS do PS do PS:um dos meus trechos preferido do pequeno príncipe..que é perfeito (L) *-*
PS do PS do PS do PS do PS do PS: sem mais,beijos e beijos ;*

sábado, 18 de dezembro de 2010

Entre ânsias,choros e esconderijos.



Ela está na penumbra do quarto meio arrumado.Ela está na luz das estrelas.Ela está no café quente de frente com uma tv onde se passa um filme da Audrey Hepburn.Ela está no suco de cajá gelado no final de mais uma refeição.No incenso.Existe um livro que fala de drama e sim,ela está lá.Existe uma música que fala de amor numa batida sensual e adivinhem?ela está lá.Ela se encontra numa fotografia antiga da infância,quanto daquela tirada por um celular qualquer na noite anterior.Nas flores que desabrocham no seu jardim bem cuidado,ela se faz presente.Nas árvores que já não dão mais frutos,tem a sua marca.Ela está numa mensagem sms.Tem um q dela em textos pela internet,em sono,sonhos,doces,fome,sede,sons,cores,ânsias.Ela está em toda parte,em muitas coisas,muitas coisas estão nela.Talvez ela esteja fugindo por alguns instantes..ou apenas se escondendo um pouco..escondendo um coração que ás vezes chora,às vezes sangra.Anseia e chora.Chora e anseia.Às vezes ela dói.E o coração anseia e chora.Dói.

(Thaís Tenório.):D

"..tinha desejos violentos..pequenas gulas,urgências perigosas,enternecimentos melados,ódios virulentos,tesões insaciáveis..ouvia canções lamentosas,bebia para despertar fantasmas distraídos,relia ou escrevia cartas apaixonadas,transbordantes de rosas e abismos.."

[Caio F. Abreu.]:D

"..só como um cantor,vejo a noite cair.debaixo dos meus pés,como um edificio cai.e eu quisera ter a música do mar.as frutas do pomar.antes da chuva vir.no outdoor luminoso,a vida a mentir.nenhuma estrela mais perto dos olhos.ninguém.ecos de um rádio antigo.eu penso ouvir.um cigarro,um segredo e nada além.quanto mais ando mais perco teu rastro,armadilha na estrada sem fim.choro em silêncio a dor.sofro,mas nem a lua tem pena de mim.sei mais caminhos que os meus sapatos.na escuridão,esperava por ti.mas ontem rasguei teu retrato.te matei e dormi.."


(Zeca Baleiro.Serenata sem estrelas.):D

PS: sim,eu sei, o texto tá terrível,mas foi a única coisa que saiu..:/ ando tão sem inspiração,acho..tristefato :/
PS do PS: desculpem novamente pelo texto,vou me esforçar pra melhorar mais..:T
PS do PS do PS: querendo ficar gripada =s #fail..mas no mais,férias começaram bem lecais *-*
PS do PS do PS do PS: enfim,beijos e beijos ;*

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Un petit dialogue.



Ele: Oi.
Ela: Oi.
Ele:Como você está?
Ela:Meu coração dói.
Ele: Por que?
Ela: Porque vamos pra longe.
Pausa.
Ela: E você,como está?
Ele:Meu coração sorri.
Ela:Por que?
Ele:Porque você está aqui.

(Thaís Tenório.):D

"..eu acho graça e penso em como você também acharia graça se soubesse como eles repetem que você não existe. depois eu paro de achar graça e fico olhando a porta por onde não entra, o telefone por onde você não fala e me lembro do pedaço apodrecido daquela maçã e então penso que talvez eles tenham razão, que talvez você não venha mais, e com dificuldade consigo até pensar que talvez você não exista mesmo. Mas não é possível, eu sei que não é possível: se estou escrevendo para você é porque você existe.."


[Caio F. Abreu.]:D


"..da última vez que tivemos essa conversa,decidi que devemos ser amigos,sim.mas agora nós estamos andando em círculos.diga-me se esse déjà vu nunca irá acabar?.agora me diga,se você se apaixonou.bem,eu nunca pensei que seria desta vez.você tem que ir mais devagar antes de provocar tantas emoções em mim.mas qualquer tolo pode ver que eles estão se apaixonando.tenho que fazer você entender.eu estou te dando tudo o que a alegria pode trazer.isso eu juro.e tudo o que eu quero de você é uma promessa,de que você vai estar lá.diga que você vai estar lá.você não vai cantar comigo.se você colocar dois e dois juntos,você verá o quanto vale a nossa amizade.se você não pode trabalhar essa equação então,acho que vou ter que lhe mostrar  a porta.não precisa dizer que me ama.seria melhor deixar pelo não dito.eu estou te dando tudo o que a alegria pode trazer.isso eu juro.e tudo o que eu quero de você é uma promessa,de que você vai estar lá.sim,eu quero você.eu estou te dando tudo o que a alegria pode trazer.isso eu juro.e tudo o que eu quero de você é uma promessa,de que você vai estar lá.diga que você vai estar lá.."


(Spice girls.Say you'll be there.):D


PS: texto beeeem curtinho,porque ando sem saber o que escrever direito.. =s
PS do PS: enfim,posso gritar: ESTOU DE FÉRIASSSSS AAAA \o/
PS do PS do PS: e essa sou eu,voltando aos bons tempos de quando eu ouvia Spice Girls lol
PS do PS do PS do PS: sem mais, beijos e beijos ;*



sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

As duas Fridas e eu.



Estava a refletir sobre o que escrever aqui..por isso a demora,caros leitores.Mas aí,meio que' do nada' ( que cá entre nós,é sempre algo que pode nos trazer coisas muito boas )..me lembrei de uma certa pergunta no formspring,que era relativa a essa imagem,que na época,estava no meu BG.E talvez ela realmente se aplique ao que eu tenho passado,passei e afins.Pra começar,pra quem não conhece esse quadro se chama "As duas Fridas" e foi pintado,obviamente,pela Frida Kahlo,que por sinal é uma pintora que eu amo de paixão.Enfim,durante a nossa vida,nós somos movidos por sentimentos..estes que podem ser bons ou ruins..e que vão trazer coisas,sensações e lembranças dessa mesma forma: boas ou ruins.Enfim..passamos por muitas situações e muitas vezes saímos feridos ou ferimos alguém.Resolvi colocar essa imagem e falar sobre isso,porque lembrei da temática dessa pintura,e acho que se a gente parar pra analisar direitinho a gente vai encaixando as peças e vendo que tudo faz sentido.Pra quem não sabe,a vida de Frida foi marcada por muito sofrimento,dificuldades,dor,perdas,preconceito e decepções.Mais ou menos como certos períodos da nossa vida,nos quais por muitas vezes tendemos a depressão,o negativismo,o desistir,o se entregar ao sofrimento e se acostumar com isso ao ponto de considerar isso , o seu normal.Mas assim como ela passou por tudo isso,ela vivenciou vários momentos de prazer,alegria,sorrisos,conquistas,reconhecimento,amor,laços.O que também acontece com a gente..a vida é uma mescla de altos e baixos.E talvez isso sirva para que a gente acredite que sempre haverá uma luz no fim do túnel..que nem todo sofrimento é para sempre..que tanto a dor quanto o prazer depende de nós mesmos,de como queremos encarar a situação.Então,depois de compreendermos isso,vou falar aqui como foi a minha resposta na época e que já serve praticamente de conclusão e facilita para que vocês analisem a pintura e entendam a mensagem que ela quis passar,e que eu acho muito válida,pra qualquer pessoa..e que muitas vezes uma imagem fala mais que mil palavras.A minha resposta na época: "..resolvi colocar essa tela,especialmente porque ela representa um pouco de algumas pessoas que já sofreram,principalmente por amor.Ela teve um grande amor,foi casada com ele,mas ele a traía constantemente e a fazia sofrer..mas ela o amava..e de certo modo sempre o aceitava e o fazia participar da vida dela..a cor do céu,por exemplo,mostra que naquele momento ela esperava por uma grande tempestade..não esperava nada de bom na sua vida,de acordo com as coisas que aconteciam para ela.Pode-se perceber também que apesar da diferença de cor,estilo..as duas olham na mesma direção..creio que o que mais chama atenção na imagem são os corações,expostos..para dar uma noção do interior e exterior dela mesma..percebemos também que uma apoia a outra..ela mesma se torna seu apoio nas horas dificeis..no caso,a de coração inteiro segura a mão da de coração partido..dando-lhe força.A Frida de coração partido segura um instrumento cirúrgico,fazendo referência ao rompimento que ela fez com Diego ( seu grande amor ) e o sangue no vestido serve para mostrar o quão doloroso e sofrido foi esse rompimento pra ela.Mas apesar de tudo,ela ela não está morta..pois  a Frida de coração inteiro através da ligação feita pela artéria,leva vida para a outra que sofre.Apesar de não avistar algo bom mais pra frente..as nuvens refletem a esperança em um céu escuro..nuvens brancas que demonstram que no final tudo pode ser religado..melhorado.é mais ou menos isso..acho interessante a forma como ela se expressa em suas obras..principalmente nessa , que é a minha preferida..".Acho que já deu pra falar tudo,né?Não importa o quão doloroso foi seu rompimento,sua vida..não importa quantas tempestades você passou ou espera passar..não importa se você sofreu uma operação..o que importa é que ainda existem nuvens no céu..o que importa é que você tem duas mãos,e uma sempre vai te apoiar..o que importa é que nada é para sempre,nem o sofrimento..o que importa é que ainda existem nuvens no céu.Talvez existam duas de mim..talvez uma esteja de coração partido,mas ainda bem que existe a outra,completa,e essa,nunca soltou a minha mão.Ainda bem que existem artérias..ainda bem que existem ligações..ainda bem que existe vida..ainda bem que existem nuvens no céu.

(Thaís Tenório.):D


"..pinto a mim mesma porque sou sozinha e porque sou o assunto que conheço melhor.."

[Frida Kahlo.]:D


"..esse matagal sem fim.essa estrada,esse rio seco.essa dor que mora em mim.não descansa nem dorme cedo.o retrato da minha vida.é amar em segredo.não quer saber de mim.e eu vivendo da tua vida.deus no céu e você aqui.a esperança é quem me abriga.esses campos não tardam em florir.já se espera uma boa colheita.e tudo parece seguir.fazendo a vida tão direita.mas e você o que faz?.que não repara no chão.por onde tem que passar.e pisa em meu coração?.o teu beijo em meu destino.era tudo o que eu queria.ser teu homem,teu menino.o ser amado de todo dia.."

(Djavan.Retrato da vida.):D


PS: desculpem a ausência,queridos..mas fim de ano é tenso..e sei que vocês sabem (=
PS do PS: dias ficando um tanto melhores..' e tudo parece seguir '..(=
PS do PS do PS: obrigada (F)
PS do PS do PS do PS: enfim..é isso..beijos e beijos ;*

domingo, 5 de dezembro de 2010

Guerra (e escavações torácicas).



Cada pessoa lida com os acontecimentos do seu jeito.Isso me fascina.Isso me assusta também.Tem gente que é de guerra,gente de paz e ainda há aqueles que preferem manter-se alheios a tudo o que se passa ao redor.Certo dia olhei para os meus pés e vi que não mais havia âncoras presas aos meus tornozelos.Noutro dia,estava em outro mar,depois em outro..outro.Me acostumei a apenas assistir de longe a segurança da terra firme.Ela já não me atrai mais.Seria essa, a vida que eu sempre procurei?Aí é que reside o cerne da questão.A vida que eu sempre procurei é,justamente,viver procurando.É eternamente cavar fundo até encontrar,em peito alheio,um coração parecido com o meu.Celular piscou.Tenho desistido da ideia da eterna felicidade.Desisti.Os momentos que a gente chama de bons momentos  só são chamados assim porque existem também aqueles que queremos esquecer.Bons momentos são bombas de endorfina que amolecem os espinhos que nos insistem em perfurar as partes onde nossa pele é mais fina.E essas partes,são muitas,principalmente quando estamos despidos da armadura ( sempre? ).Tendo isso em mente,faço o que está o meu alcance para que esses momentos sejam numerosos,visto que eles jamais são duradouros.Endorfina vicia.Tenho assistido a guerras,e não são as da tv.Em mares que tangem os meus,existem explosões tentando atrair meus olhos.Explosões que pulverizam no ar todo tipo de sentimento nocivos,perigosos.Quando tudo na nossa vida está em seu devido lugar,não nos passa pela cabeça a ideia de propalar aos quatro ventos essa falsa felicidade.Muito menos,os espinhos,que são de verdade.Forjada com lágrimas contidas,a felicidade anunciada se derrete com a chegada do primeiro sinal do amanhecer.Eu já fui pra longe,e te deixo ir,contanto que não olhes mais para trás.Não com essa cara,e não com essas palavras escritas na testa.Como é que tu pretendes lidar com isso?Conheço mil formas de se proceder;mais da metade delas parecem mais sensatas,ao meu ver.Nessa constante mudança de mares,tenho fugido para cada vez mais longe da fumaça dessas explosões.Hoje,distante, a ponto de te ver como um minúsculo ponto próximo à curva do horizonte,encontro-me às portas de uma nova vida,aquela vida que eu sempre procurei:viver procurando.A memória recente de uma longilínea silhueta ornada pelos iluminados prédios da metrópole,mesmo sendo fruto de um mero retrato imaginário e possivelmente efêmero,tem me guiado para longe da tua guerra.E para cada vez mais longe da terra firme.Aqui a água é fria, e a hipotermia  me força a dar braçadas cada vez mais convictas,em sentido oposto ao dos teus passos.Celular piscou de novo.Ainda não.Ich V.D.As baixas que a nossa guerra fria estampa nos jornais são justamente os sentimentos bons,os sorrisos verdadeiros e as memórias que valiam a pena serem guardadas.Mortos um a um,restam apenas os feridos: eu e tu.

(Lucas Silveira.):D

"..a todo instante lembro de quando tudo estava em aparente paz.."

[Caio Fernando Abreu.]:D

"..bem vindo ao planeta.bem vindo à existência.todo mundo está aqui.todo mundo está aqui.todo mundo está te olhando agora.todo mundo está te esperando agora.o que acontece depois?.o que acontece depois?.eu te desafio a se mexer.eu te desafio a se mexer.eu te desafio a se levantar do chão.eu te desafio a se mexer.eu te desafio a se mexer.como se o ' hoje' nunca tivesse acontecido.o ' hoje ' nunca aconteceu antes.bem vindo ao efeito colateral.bem vindo à resistência.a tensão está aqui.a tensão está aqui.entre quem você é e quem poderia ser.entre como isso é e como deveria ser.eu te desafio a se mexer.eu te desafio a se mexer.eu te desafio a se levantar do chão.eu te desafio a se mexer.eu te desafio a se mexer.como se o ' hoje ' nunca tivesse acontecido.o ' hoje ' nunca aconteceu.talvez a redenção tenha histórias pra contar.talvez o perdão está onde você caiu.pra onde você pode escapar de você mesmo?.pra onde você vai?.pra onde você vai?.a salvação está aqui.eu te desafio a se mexer.eu te desafio a se mexer.eu te desafio a se levantar do chão.eu te desafio a se mexer.eu te desafio a se mexer.como se o ' hoje ' nunca tivesse acontecido.o ' hoje ' nunca aconteceu.o ' hoje ' nunca aconteceu antes.."

(Switchfoot.Dare you to move.):D

PS:queria atualizar aqui mas tô meio dodói..e sem cabeça pra escrever meu próprio texto..logo,coloquei o do @lucasfresno que como já disse antes,adoro sempre e muitas vezes caem como luva para mim..:T
PS do PS: não sei se estou bem..pelo menos, não hoje..:T
PS do PS do PS: ITIMYT..:T
PS do PS do PS do PS: sem mais delongas,beijos ;*

sábado, 4 de dezembro de 2010

A little bit of preoccupation.



As pessoas se preocupam demais com sua vida.Disso você vai ter certeza em algum ponto da sua existência.A preocupação pode até ser um motivo bom,sinônimo de zelo,cuidado,amor,valor.Você se preocupa por querer bem,e se preocupa pelo bem do outro,uma preocupação saudável,tal qual a de um pai quando insiste para que seu filho,ainda pequeno,olhe sempre para os dois lados antes de atravessar a rua.Quando você não quer ver o sofrimento,a dor ou a decepção estampada na cara de alguém que você tem afeição.As pessoas se preocupam demais com sua vida.Mas isso nem sempre é positivo.Assim como existe água,existe fogo.E pode existir aquela preocupação não tão saudável,doentia,raivosa,curiosa.Uma preocupação que talvez seja conveniente para essa pessoa que tanto quer saber da sua vida,que quer te pôr pra baixo,quer te derrubar,humilhar e desrespeitar.Analisam a sua pessoa da maneira que elas querem ver,te moldam e fazem propaganda enganosa,te criticam e esquecem que têm suas próprias vidas para se preocuparem.As pessoas se preocupam demais com sua vida.Com a vida alheia.Fazem da vida dos outros uma espécie de filme,do qual elas fazem questão de assistirem na primeira fila no cinema,sempre querendo saber quem vai atuar no filme,o que vão fazer,se vai sofrer alguma alteração,onde vai ser filmado e etc e etc.Mas e quem disse que isso te interessa mesmo?Cada um é cada um,e cada um têm sua própria vida pra cuidar e essa sim,você realmente deveria se preocupar,com a sua própria vida,seu próprio filme e seus personagens,falas e cenários.As pessoas se preocupam demais com  sua vida.E sabe como isso interfere na vida delas?Elas deixam de viver e crescer para se verem parasitas da vida de outra pessoa.Elas deixam a vida delas de lado..e ao fazer isso,muitas vezes esquecem que talvez os problemas maiores estejam nelas mesmas,que as críticas deveriam serem feitas a elas mesmas,e que enquanto você aponta com um dedo,existem mais três voltados pra você.Se interesse pelo que faz bem.Se interesse por você mesmo.E deixa que das vida dos outros,eles mesmos podem cuidar,pois,acredito eu,todo mundo sabe o que quer e o que faz.Deixe de ser parasita.Passe a ser livre,passe a ser uma flor de beleza única,que não precisa do massacre,defeito ou morte de outra planta para aparecer,ela por si só aparece.As pessoas se preocupam demais com sua vida.Se elas fizessem o mesmo com sua própria pessoa,com certeza,muita coisa estaria diferente agora,para elas mesmas.Apareça por si só.Sem forçar muito a barra.Sem rebaixar o outro.Apareça.Apenas apareça.E se preocupe com o que vai aparecer.

(Thaís Tenório.):D


"..não se dê ao trabalho de dar explicações,assuma simplesmente que pode fazer o que bem entender.."

[Dr.House.]:D


"..você já conseguiu alimentar um amor apenas com as mãos?.já fechou seus olhos e confiou,apenas confiou?.já jogou um punhado de glitter no ar?.você já encarou o medo e disse:'eu não me importo'?.acabamos de passar o ponto em que não há mais retorno.a ponta do iceberg,o sol antes da queimadura,o trovão antes do clarão,a respiração antes da frase.você já se sentiu dessa maneira?.você já se odiou por ficar olhando para o telefone?.a vida inteira esperando para que ele tocasse e provasse que você não está sozinho?.você já foi tocado tão gentilmente que teve que chorar?.já convidou um estranho para entrar?.acabamos de passar o ponto em que não há mais esquecimentos.a ampulheta sobre a mesa,a caminhada antes da corrida,o suspiro antes do beijo e o receio perante as chamas.você já se sentiu dessa maneira?.lá está você.sentado no jardim.me servindo café e me chamando de 'querida'.você me chamou de 'querida'.você já desejou uma noite sem fim?.laçou a lua e as estrelas e as prendeu bem forte?.já ficou sem fôlego e perguntou a si mesmo 'poderá algum dia ser melhor que esta noite?'.esta noite.."

(Pink.Glitter in the air.):D

PS: dia meio cansativo,porém legal (=
PS do PS: me perdoem a péssima qualidade do texto (W)
PS do PS do PS : enfim, beijos e beijos ;*

sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

Um sequestro do bem.


Era um dia da semana qualquer.Ela estava um tanto de folga..precisava de um tempo pra ficar consigo mesma,e as pessoas dos lugares que ela costumava frequentar compreenderam o seu pedido.A tarde estava indo embora para que o brilho da noite pudesse chegar e preencher seus olhos.Ela estava sozinha na sua casa.Tinha assistido a uma porção de filmes,comido algumas bobagens e tirado alguns cochilos.Vestia a roupa mais surrada do seu guarda roupa,tinha os cabelos bagunçados,estava usando meias e passou a maior parte do tempo enrolada num edredon no sofá da sala.Não esperava visitas.De certo modo,nem queria..afinal,ela estava disposta a seguir com seu retiro.Estava planejando fazer mais uma garrafa de café,quando a campainha tocou.Mas quem poderia ser?Ela não esperava ninguém.Estava sem jeito até de olhar através do olho mágico,afinal,ela poderia dizer que estava um trapo se levarmos em consideração suas vestes e semblante.Não,não iria olhar muito menos perguntar quem era..fingiria que não estava em casa..mas infelizmente ela esqueceu que a tv se encontrava ligada e provavelmente a pessoa deveria ter notado algum movimento.Enfim,apesar de tudo estava curiosa..resolveu por abrir a porta de vez,sem perguntas,sem enrolação.E foi aí que tudo aconteceu rápido demais.Num momento ela estava na sua porta encarando a pessoa que lhe procurava e no mesmo instante estava sendo carregada nos braços pra o lado de fora..com os olhos vendados pelas mãos do que podemos chamar de "sequestrador".Ele andava com passos apressados,e ela não sabe como ele aguentava o seu peso,afinal,era fato que ela havia engordado um pouco.Não andaram muito,até que ele a colocou dentro de algum lugar.Foi quando ela sentiu que não estava na terra..mas sim,voando.E nesse minuto ela sabia o que estava acontecendo..e até sorriu nervosa.Foi ai,que o "sequestrador" deixou que ela olhasse.O céu estava esplêndido: numa divisão entre dia e noite,onde strelas já começavam a brilhar por entre as nuvens.O vento estava gostoso.E ela virou o rosto e observou aquele cara que lhe retirou de casa depressa e sem pedir o seu consentimento,era o seu grande amigo,o do balão."Você é louco mesmo né?" e começaram a rir."Eu?Louco?Imagina..só se for loucura querer o teu bem e gostar tanto da amizade de alguém como eu por você",não falaram mais nada,pois o abraço mais que apertado tomava todo o espaço que poderia existir para falações.Ela precisava de um abraço assim..confortante,seguro,sincero,espontâneo.Nos últimos dias ela vinha chorando muito e aquele momento foi único e mágico.Pararam pra admirar a paisagem,sem falar nada,só contemplar aquela vista e desfrutar daquela presença.Os olhos dela estavam marejados."Por que você fez isso?Por que me trouxe até aqui?Por que não me convidou ao invés de me surpreender?",ele parou,sorriu com o olhar pra ela,segurou sua mão e disse:"Às vezes surpresas são boas..e eu sabia que se eu te chamasse,você recusaria..quando estamos tristes,muitas vezes optamos por ficarmos isolados,melancólicos mas não é a melhor saída..e não queria que você prosseguisse assim.Sou teu amigo,gosto muito de você e me senti na obrigação de fazer alguma coisa por você..te trazer um pouquinho de amizade,alegria,beleza,carinho,paz,felicidade.E outra: nunca mais tinha passeado de balão com você,né verdade?",ela sorriu,"É verdade,já sentia falta dessa sensação boa..de equilibrio e tranquilidade.".Ele parou e fez um pedido pra ela:"Eu quero que você observe bem esse lugar..as rosas,eu sei que você ama flores..o céu,as estrelas,as montanhas,tudo,olha direitinho,por favor".Ela olhou,olhou e olhou,bem direitinho tal como ele pediu."É lindo,realmente lindo"."Pedi pra você observar bem pra que você perceba que existem muitas coisas lindas e grandes por aí..e que quando a gente se depara com algum problema,alguma insatisfação ou confusão e até mesmo alguma tristeza,a gente possa olhar assim e lembrar que existe algo muito maior que aqueles momentos ruins..que existe toda uma natureza,todo um mundo lindo pra você,que existe alguém ali em cima que fez tudo isso pra você,por você ser especial e para que você perceba que qualquer problema vai ser pequeno se comparado com tudo isso..e que você acredite que tudo isso vai passar,que a paz,a felicidade é sua,é só você saber contemplar e vivenciar.E eu sou seu amigo,sempre serei e estarei aqui,te ajudando a contemplar e a ter certeza que há um mundo de coisas boas esperando por você".Era impressionante como ele sempre tinha as palavras exatas pra trazer um pouquinho mais de conforto interior pra ela.Ela não estava muito afim de falar,mas ele respeitava isso e ela o adorava por ser justamente assim.Palavras não eram necessárias,nem sequer atitudes naquele momento eram válidas,desde que houvesse aquela paisagem inteira pra ela.Desde que o mundo bom se apresentasse pra ela.Desde que ela só soubesse como olhar.E naquele momento,ela contemplou.E sentiu o olhar de quem estava acima dela e construiu aquilo tudo.Ela contemplou.E a partir dali,seus dias mudaram.Um olhar faz toda a diferença.

(Thaís Tenório.):D

"..o que mata um jardim não é o abandono..o que mata um jardim é esse olhar de quem por ele passa indiferente.."

[Mário Quintana.]:D

"..eu abaixo o vidro da janela.e então começo a suspirar.a estrada mais sombria da cidade.e um cheiro forte do campo.do banco do passageiro enquanto você me leva pra casa.então,olhando pra cima.eu esforço os meus olhos e tento.dizer a diferença entre estrelas cadentes e satélites.do banco do passageiro enquanto você me leva pra casa.'será que eles se chocam?'.eu pergunto e você sorri.com o meu pé no acelerador.o mundo não importa.quando se sentir envergonhada,eu serei seu orgulho.quando precisar de orientações,eu serei o seu guia.por todo o tempo.por todo o tempo.."

(Death Cab For Cutie.Passenger seat.):D

PS: férias chegando,ainda bem \o/
PS do PS: não tenho muitos ps's hoje..=s
PS do PS do PS: beijos e beijos ;*

terça-feira, 30 de novembro de 2010

A graça do tempo.



O tempo é uma coisa engraçada.Em determinado momento estamos satisfeitos com alguma coisa..e talvez e algumas horas,meses ou anos isso pode mudar.É natural do ser humano procurarmos encontrar o nosso bem estar..nada melhor do que estar em paz e bem consigo mesmo e com as pessoas ao seu redor.Mas às vezes pra conseguirmos isso temos que passar por algumas provações..decisões..e quem sabe até sofrimento.Centenas de vezes somos condicionados pelas circunstâncias a abrirmos mão de alguma coisa que é boa,mas que talvez agora ela não tenha como prosseguir melhor..e pelo próprio bem dessa coisa,nos sentimos na "obrigação" de deixá-la fazer o bem no tempo dela.O tempo é uma coisa engraçada.Ele passa e nos passamos também.E só quando a gente pára pra olhar que horas são ,é que a gente percebe o que a gente fez em pouco/muito tempo..o que ainda tem pra ser feito..o que a gente infelizmente vai ter que atrasar..e o que não vai dar pra fazer.E aí,cabe a nós termos o mínimo de bom senso e consciência e avaliarmos tudo que fizemos,fazemos e vamos fazer..ou não.E aí você vai saber exatamente o que fazer com o seu tempo.E quando você resolve isso,vem as cobranças,os questionamentos,as críticas,os apoios e etecétera e etecétera..afinal,muitas vezes optamos por uma coisa que vai te fazer sofrer agora,que vai te deixar triste mas que você sabe que é o caminho..que é o pro bem..e que não tem nada haver com você deixar de gostar de alguma coisa..que é o que vai ser melhor pra você,agora ou mais pra frente.Como já ouvi dizer por aí.."há males que vêm pro bem" a gente talvez não perceba na hora exata mas com ele presente de novo,o tempo,tudo ficará no seu lugar,como tem que ser.E quando você decidir por isso,quando você ter consciência das consequências e tudo mais..fique preparado: as pessoas podem não entender  o seu tempo..podem entender de maneira errônea..mas aí é que tá..querendo ou não a vida é sua,as decisões são suas,as alegrias ou sofrimentos são seus,de mais ninguém..você tem o direito de escolher o que acha que é certo pra si e conviver com isso..e a partir daí,saber lidar com lágrimas e sorrisos..quedas e superações.O tempo é uma coisa engraçada.A gente acha que tudo que a gente vá passar vai ser demasiadamente demasiado..que vamos ser tristes ou felizes pra sempre..mas o tempo existe,e ele passa,e tudo passa,já dizia Chico Xavier..mas aí vem o que eu sempre disse: o pra sempre não precisa ser necessariamente a eternidade..e o seu pra sempre..a,você também sabe como lidar.A gente nunca sabe o que vai vir depois..mas a gente tem que tá preparado,alguma coisa vai aparecer..e com o tempo..você vai saber o que fazer.Eu tenho meu tempo..e acho que sei o que vou fazer com ele..torná-lo cada vez mais meu.O tempo é uma coisa engraçada..e eu sempre gostei de sorrir.

(Thaís Tenório.):D

"..o tempo é o melhor autor..sempre encontra um final perfeito.."

[Charles Chaplin.]:D

"..deixe-me sonhando na cama.vejo você de volta aqui amanhã,para o próximo round.guarde esta cena na sua cabeça.enquanto as feridas se tornam amarelas.e o inchaço diminuir.e se você estiver pelas redondezas da cidade,nos subúrbios dessa cidade.tenha a certeza de aparecer.eu estarei me dedicando em pesar.franzindo as sobrancelhas.como Pierrot,o palhaço.vi você quebrar em volta da baía.eu nunca vi você agir tão superficialmente.ou parecer tão marron.lembrei todas as coisas que você diria.como suas promessas soavam vazias.enquanto você me jogava contra o chão.e se você estiver por volta.nas ruas ou becos dessa cidade.apareça.eu estarei me dedicando em compaixão.franzindo as sobrancelhas.como Pierrot, o palhaço.quando eu sonho,eu sonho com os seus lábios.quando eu sonho,eu sonho com os seus beijos.quando eu sonho,eu sonho com os seus socos.deixe-me sangrando na cama.vejo você de volta aqui amanhã,para o próximo round.guarde esta cena na sua cabeça.enquanto as feridas se tornam amarelas.e o inchaço diminuir.e se você estiver pelas redondezas.da cidade,nos subúrbios desta cidade.apareça.eu estarei me dedicando em pesar.franzindo as sobrancelhas.como Pierrot,o palhaço.como Pierrot,o palhaço.."

(Placebo.Pierrot the clown.):D

PS: desculpem se o texto ficou meio sem nexo em algumas partes..mas minha cabeça dói e sei lá..(W)
PS do PS: deixa que o tempo sabe como agir..:T
PS do PS do PS: sem condições de muitos ps's por hoje..:/
PS do PS do PS do PS: ;* ;* ;*

domingo, 28 de novembro de 2010

Reflétant.



Ando refletindo demais.Isso pode ser um problema..isso pode ser uma solução.Chega um certo ponto da sua vida que você precisa questionar muitas coisas..não só sobre outras pessoas..mas principalmente e especialmente sobre você próprio.Chegam momentos que é preciso você pesar as coisas,sabe..ver o que pode melhorar..o que pode piorar..o que pode permanecer..o que deve ser descartado..o que é mais necessário..o que não altera muita coisa..enfim,pôr numa balança e ver que lado vai sentir mais certo peso.Ando refletindo demais.Talvez porque o fim do ano está chegando,talvez..ou simplesmente pelo fato de coisas terem acontecido ou não..a ausência assim como a presença faz toda a diferença.Talvez porque certas coisas se comprovaram..porque você começou a sentir na pele ou enxergar e até compreender melhor as suas escolhas,suas dificuldades,suas fraquezas,suas necessidades,sua vida em si,o ponto onde você está.Ando refletindo demais.E isso quer dizer que a gente tá pensando muito no que se fez,no que deixou de fazer,no que pode ser feito,do que você gosta,do que você quer,de onde você está,o que decidir,com quem contar e etecétera e etecétera.Tem gente que julga quem muito reflete..diz que é porque a pessoa não sabe o que quer..nem pra onde vai..pode até ser,não podemos generalizar nada..mas talvez essa pessoa esteja querendo só ficar em paz..agir com sabedoria..acrescentar e descartar..e vencer a guerra que talvez ela tenha traçado  contra ela mesma..mas talvez no final de tudo,ela vai estar mais satisfeita..sim,pode ter o "ou não" aí..mas é mais provável que não,afinal ela ocupou muito tempo de si pensando na coisa certa..e provavelmente fará a coisa certa,pelo menos pra ela,afinal como eu já disse n vezes aqui,não existe certo e errado e sim o que é melhor pra você.Ando refletindo demais.Procurando uma luz no fim do túnel.Procurando um abrigo em meio da tempestade.Procurando o procurar.E quem procura,acha..e talvez sua reflexão também te ajude nisso. Estou numa caça ao tesouro..onde o tesouro sou eu mesma.E talvez eu já não precise mais de mapas pra me encontrar.Talvez isso seja um problema..ou talvez uma solução.Mas alguma coisa é.Ela pensou.

(Thaís Tenório.):D


"..o medo é um preconceito dos nervos..e um preconceito,desfaz-se,basta a simples reflexão.."

[Machado de Assis.]:D


"..eu sei.você ama a canção mas não o cantor.eu sei.você me tem preso ao redor do seu dedo.eu sei.você quer o pecado sem o pecador.eu sei.eu sei.eu sei.o passado o alcançará enquanto você corre rápido.eu sei.o último da fila sempre é chamado de inferior.eu sei.eu sei.eu sei.você se libertou de mim em contradição.eu sei.eu estou coberto por um doce atrito.eu sei.está pedindo sua benção.eu sei.eu sei.eu sei.o passado o alcançará enquanto você corre rápido.eu sei.o último da fila sempre é chamado de inferior.eu sei.eu sei.eu sei.."

(Placebo.I know.):D


PS: desculpem a demora pra um post..mas semana muitooo corrida,cês não tem nem noção..sorry..:/
PS do PS: muito pensativa..:T
PS do PS do PS: quero fériassssssss,logo auhauhau'..
PS do PS do PS do PS: música que essa semana não saía da minha cabeça *o*
PS do PS do PS do PS do PS: enfim,beijos e beijos ;*

terça-feira, 23 de novembro de 2010

Um desafio.



Bem,como estou meio atarefada esses dias e sem saber bem o que escrever e etc etc..resolvi colocar nessa nova postagem, as respostas de um "desafio" que por eu ter comentado no blog da Keilla Karollyne, entitulado "Jardim das ilusões",e que eu super mega indico,porque adoro tudo que ela escreve,sempre me toca,e quem quiser visitar,tem o link ali na parte do "Acho válido".Enfim, quem comentasse lá,postaria uma lista contendo dez coisas que você gosta e logo em seguida você indicaria mais dez blogs para fazer o mesmo.Então,aproveitando,vou citar aqui dez coisas que gosto e quanto aos blogs , deixo à vontade quem tem e achar que é legal ou válido responder também.Vamos lá:

10 coisas que eu gosto:

-Audrey Hepburn.
-Livros.
-Flores.
-Casas em árvores.
-Egito.
-Fotografia.
-A sensação de quando alguém mexe nos meus cabelos.
-Zebras.
-Cinema antigo.
-Massas.

(Thaís Tenório.):D

"..devemos escrever o que somos,de tal maneira,com tamanha autenticidade,que,se alguém cravar um punhal em uma frase por nós sonhada,sinta nos dedos a cor de nosso sangue.."

[Paulo Bomfim.]:D

"..apenas faça.apenas faça.apenas faça.apenas faça isto porque você quer isto.apenas faça isto porque você gosta disso.apenas faça isto porque você sente isto.não porque você viu isto.você pode fazer uma música.cozinhar sua comida.limpar sua casa.você pode usar uma tanga.ser tão rude.beijar minha boca.você pode furar seu nariz.costurar suas roupas.dançar sozinho.você pode fazer alguns amigos.formar uma banda ou cantar junto.apenas faça isto porque você quer isto.não porque você viu isto.apenas faça isto porque você quer isto.não porque você viu isto.não porque você viu.apenas mude,mude,mude porque você quer.apenas mude,mude,mude porque você gosta.mude,mude,mude porque você sente.não porque você viu isto.você pode mudar o seu cabelo.mudar sua casa.mudar sua vida.você pode mudar seu sexo.mudar seus amigos.mudar sua esposa.você pode mudar seu tênis.mudar suas calças.mudar seu estilo.você pode mudar sua cara.mudar seus peitos.mudar seu sorriso.apenas mude isto porque você quer isto.não porque você viu.apenas mude isto porque você quer isto.não porque você viu.."

(Copacabana Club.Just do it.):D

PS: é isso..corre corre de fim de ano =s
PS do PS: musiquinha simples,porém diz tudo,gosto dela *-*
PS do PS do PS: no mais,fiquem bem,kisses and kisses ;*..SLU

sábado, 20 de novembro de 2010

Doces deletérios.



Digamos que estava um tanto assim..sem saber sobre o que escrever aqui hoje.Mas aí me veio em mente uma coisa que várias pessoas já chegaram pra mim e perguntaram: " Por que o nome doces deletérios?", e foi aí que resolvi escrever sobre isso..sobre o próprio blog,ou melhor,seu nome..e aí talvez quem ainda não entendeu o motivo do título,ficará sabendo agora.Desde que resolvi criar um blog, sempre tive a intenção de ser algo realmente meu..pessoal..que refletisse tudo aquilo que eu sentisse,vivenciasse,acreditasse,relembrasse e etc.Nunca pensei em fazer nada relativo a moda,cinema,música,assim..diretamente,sabe?Deixo até que esses próprios temas venham a mim pelo que vivo,quero e penso..e eles até podem aparecer por aqui,caso eu ache que seja válido,que condiz com o meu momento.Escrevo aqui,trocentas cartas desabafo..mensagens implícitas ou até explícitas demais..expresso aqui o meu reflexo..o resultado de quem eu sou.Tudo vem do meu íntimo..do meu peito..das experiências.Umas se vocês notarem,bastante reflexivas..outras,alegres ao extremo e algumas tantas regadas a uma leve tristeza e melancolia.Isso tudo que coloco aqui,nesses textos que vocês lêem na tela do computador nada mais é do que eu..Thaís Freitas Tenório..e sei que quem frequenta isso aqui já deve saber mais ou menos como eu sou,o que aprecio ou não..que tipo de humor e acontecimento está acontecendo no meu dia..simplesmente pelas palavras expressarem isso..passarem o meu estado de espírito..palavras nem são tão ruins assim,são?Alguns de vocês nunca nem me viram,mas a leitura,a escrita,a arte em si une pessoas de qualquer lugar,de n ideais..gente.Algumas vezes espero que aquilo que eu jogo aqui sirva de alguma coisa pra quem lê..um norte..um conforto..uma identificação..uma esperança..um acréscimo.Mas antes de tudo,escrevo pra me sentir assim..equilibrada..confortável..conhecedora de mim mesma..esperançosa e algo mais.Mas depois de tantas ladainhas,por que esse tal nome?Ainda não deu pra notar?Então,vou ser mais clara.Isso aqui fala da minha vida..ou seja,no geral fala da vida.E como a vida é?Cheia de altos e baixos..conflitos pessoais,emocionais,existenciais e etc..dias bons,dias ruins..comemorações,lutos..mistério,clareza..a vida é cheia de um pouquinho de tudo.Até que como fã de Los Hermanos que sou,desde os primórdios da banda,gosto muito da música "Condicional" e sempre que eu a escutava e cantava tinha uma frase que me chamava atenção:"..fiz de tudo o cais..dei-te pra ancorar..doces deletérios.."..doces deletérios..doces deletérios..isso ficava se repetindo na minha cabeça..e eu nem sequer sabia o real significado de deletérios.Fui procurar saber e me dei com a definição de que um deletério é algo prejudicial à saúde..nocivo..que destrói ou danifica..de efeito destrutivo,degradante.E vi que essa expressão doces deletérios caía como uma luva com tudo o que eu achava,escrevia,com tudo que a vida é.A palavra doce veio contrastar com o nocivo..achei aquilo muito legal..afinal,a vida é assim..às vezes nos deparamos com coisas/pessoas que nos fazem mal mas não deixamos de desejar..outras vezes encontramos coisas/pessoas que nos fazem bem e por algum motivo deixamos de querer,destruímos aquilo de dentro ou perto de nós..existem outras que são só doces..e outras que são só deletérios..a vida é feita de coisas que nos destroem,nos constroem e que podem ser as duas coisas juntas..ou coisas que podem em algum ponto de nossas vidas nos auxiliar de alguma forma, nessa doce contradição.Doces deletérios..afinal,quer maior exemplo disso do que a vida por si só?.Doces deletérios..vai dizer que você nunca provou um?

(Thaís Tenório.):D

"..a vida é uma aventura ousada ou nada.."

[Hellen Keller.]:D

"..se ela me deixou a dor,é minha só.não é de mais ninguém.aos outros eu devolvo a dó.eu tenho a minha dor.se ela preferiu ficar sozinha.ou já tem um outro bem.se ela me deixou,a dor é minha.a dor é de quem tem.é o meu troféu,é o que restou.é o que me aquece sem me dar calor.se eu não tenho o meu amor.eu tenho a minha dor.a sal,o quarto,a casa está vazia,a cozinha,o corredor.se nos meus braços ela não se aninha.a dor é minha,a dor.se ela me deixou a dor.é minha só,não é mais ninguém.aos outros eu devolvo a dó.eu tenho a minha dor.se ela preferiu ficar sozinha.ou já tem um outro bem.se ela me deixou,a dor é minha.a dor é de quem tem.é o meu lençol,é o cobertor.é o que me aquece sem me dar calor.se eu não tenho o meu amor.eu tenho a minha dor.a sala,o quarto,a casa está vazia,a cozinha,o corredor.se nos meus braços ela não se aninha.a dor é minha.minha dor.."

(Marisa Monte.De mais ninguém.):D

PS: estava meio sem inspiração..isso foi o que veio na cabeça..espero que gostem (YN)..
PS do PS: não, a música não tem um motivo específico a não ser que eu adoro ela e estou com ela na cabeça
PS do PS do PS: Harry Potter 7 é P-E-R-F-E-I-T-O. *-*
PS do PS do PS do PS: no mais, beijos e beijos..ILU..;*

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

My dad's B-Day.


17/11/1964.Nesse dia,nascia o homem da minha vida.Talvez durante minha convivência com ele,eu não tenha sido muito de palavras..mas pensando bem,acho que nem todas as palavras que eu arrumasse para dizê-lo o quanto eu o amo e o quanto me sinto grata por tê-lo como pai,companheiro,amigo,espelho seriam suficientes para expressar tal sentimento.O destino,Deus não poderia ter escolhido um pai melhor que ele pra me presentear..alguém que quanto mais o tempo passa eu admiro mais e faço dele referência de caráter,amor,lealdade,amizade,perseverança,coragem,família,dedicação,educação,respeito e como homem.Agradeço todos os dias por ele ter nascido e por ter me dado a vida..e agradeço mais ainda por ele dar a vida dele por mim..sempre lutando,sem medo do que vier pela frente pra oferecer o que há de melhor pra mim e pra minha família.Apesar de alguns defeitos,que todo mundo tem,suas qualidades são tantas que aquelas pequenas coisinhas que poderíamos chamar de defeitos,se tornam minúsculas diante do tamanho de homem,amigo e pai que ele é.Somos muito parecidos em vários aspectos e eu me orgulho disso,pois foi com ele que aprendi os meus primeiros passos e foi com ele que aprendi os valores que eu sei hoje e foi com ele,sempre me ajudando,sempre ao meu lado,independente de como era a situação,que eu sou o que sou e estou onde estou.Quando não me sinto muito bem em alguma circunstância e até o medo chega a apavorar..é só lembrar de como ele é,do que me ensinou,do que ele fez e faz e de como é fato a certeza de que seja qual for o caminho que eu decidir percorrer ele estará lá..comigo..me levantando quando eu cair..me fazendo sorrir quando eu chorar..me confortando quando eu sofrer..puxando minha orelha quando eu errar..me dando parabéns quando eu acertar e me amando,do jeito que eu sou,até o fim das nossas vidas.Ainda que eu saiba que em outras tantas vidas,ainda o terei comigo.Definitivamente,ele é o homem da minha vida..e não consigo me imaginar sem sua presença que me passa tanta segurança e tranquilidade.Dizer que eu o amo é o mínimo que eu posso fazer e seria impossível não amar um exemplo de pai,como ele é para mim.Que muitos anos mais venham,infelizmente não pude comemorar o dia de hoje ao lado dele,mas em alma e coração,sim,eu estava lá com ele,dando felicitações pelo dia que celebra o nascimento dele,o homem da minha vida.Feliz aniversário,meu pai.Eu amo você.

(Thaís Tenório.):D


"..não me cabe conceber nenhuma necessidade tão importante durante a infância de uma pessoa que a necessidade de sentir-se protegido por um pai.."




[Sigmund Freud.]:D



"..pai ,estou aqui pra dizer que valeu.olha o quanto o seu filho cresceu.pai olha seu sonho aqui.filho, eu às vezes nem sei se mereço.mesmo assim todo dia agradeço.a magia de te ver sorrir.pai, estou deixando de ser um menino.mas não quero que o meu destino  venha nos distanciar.filho ,não importa aonde o destino vai.saiba que o meu amor de pai sempre irá te acompanhar.que bom que Deus fez de nós dois mais do que pai e filho.permitiu que a gente dividisse o brilho do sol que pra muitos jamais vai nascer.que bom que Deus deu para esse filme um lindo final.transformando um sonho em vida real.vida que a gente só tem que viver.pai, sua voz hoje é minha voz.pai, tem um elo de paz entre nós.que nada poderá romper.filho, nesse mundo azul que é tão só seu.hoje tem um pai que compreendeu o amor quando te viu nascer.pai, você é o meu grande amigo.muito mais que um amigo.quando você conversa comigo me sinto seguro e melhor.filho, pode apostar na vida com fé.que por Deus todo homem já é uma luz a brilhar por si só.que bom que Deus fez de nós dois mais que pai e filho.permitiu que a gente dividisse o brilho do sol que para muitos jamais vai nascer.que bom que Deus deu para esse filme um lindo final.transformando um sonho em vida real.vida que  a gente só tem que viver.pai.."
(Rick e Renner.Mais que pai e filho.):D
PS: #HappyBDay pra o meu dad \o/
PS do PS: tá..música de Rick e Renner mas quem se importa? ahauahhau'..achei a letra bonitinha e saindo do clichê da música "pai" do Fábio Jr lol lol lol.
PS do PS do PS:sem mais,ILU..kisses and kisses ;*

terça-feira, 16 de novembro de 2010

Boa noite.



Era uma noite de uma primavera qualquer.Ela observava da janela.Lá fora,tudo era calmaria.Pouco movimento nas calçadas..os pequenos seres da escuridão enchiam o ambiente com seus pequenos barulhos..a lua estava esplêndida..e uma brisa gostosa balançava a cortina e acariciava o rosto da nossa garota.Já estava pronta para dormir,mas algo dentro dela a fez ir até a janela..contemplar..além dela.O relógio agora marcava 22:22..será que alguém por entre essa noite escura pensava nela?E ela?Pensava em que?Cantarolava baixinho uma canção que estava na sua cabeça.E por algum instante ela se sentia janela.De um certo formato,material..com uma certa função..mas que pode mostrar mais de um mundo..mais de um sentimento..mais de uma pessoa.Afinal,ao olharmos da janela,avistamos o ambiente no qual nos encontramos..sala..quarto..cozinha..mas se olharmos pro outro lado,vemos uma paisagem totalmente diferente daquela que estamos.Então ela podia se dizer janela.Algumas vezes ela é uma doce guloseima e em outras tantas aquele furacão prestes a passar por aí.Em alguns momentos ela se faz simples,clara..mas em tantos outros se veste de complicações e detalhes exagerados.Pode apreciar a leveza de uma carinho e até desejar o calor de algo mais carnal.Paisagens diferentes de uma mesma tela..de um mesmo lugar..de uma mesma pessoa.Ela pode se chamar janela.E principalmente se levarmos em conta a contemplação do seu interior e do seu exterior.A noite sempre fazia com que ela refletisse um pouco sobre ela mesma.Em quais paisagens ela está..quais ela pode se fazer presente mais pra frente.A noite a remete a nostalgia..ao café com sabor de calmante..ao banho quente como a receita de uma pílula do esquecimento dos problemas do dia-a-dia.Logo mais,a madrugada tomaria o lugar daquela noite,simples,comum,mas com a beleza que a noite por si só já nos fala.Ela sentia que faltava alguma coisa.O que a noite,de certo modo,nos cobra?Algumas poucas palavras,que nos fazem aspirar para o bom sono e o positivismo para a espera do próximo dia..duas pequenas palavras..que não foram ditas para ela..pelo menos,não hoje.Ela já se preparava para ir pra cama..um pouco decepcionada..queria tão pouco..e parecia estar pedindo o mundo inteiro.O relógio já marcava 22:54.Ela deitou e se cobriu.Na sua cabeçeira,um telefone vibrava..era uma mensagem..e dizia exatamente assim: " Boa noite ".Ela sorriu.Agora estava aliviada..agora poderia dormir tranquila..e podia jurar que o dia de amanhã se fará lindo e calmo como a noite que passou."Boa noite",ela respondeu em pensamento.E dormiu.

(Thaís Tenório.):D

"..o homem deseja tantas coisas..e no entanto precisa de tão pouco.."

[Johann Goethe.]:D


"..você me deixou pendurado por um fio.do qual a gente balançava juntos.eu lambo minhas feridas, mas eu não consigo  vê-las ficando melhor.alguma coisa precisa mudar.as coisas não podem permanecer as mesmas.
o cabelo dela estava pressionado contra seu rosto.os olhos dela estavam vermelhos de raiva.enfurecida por coisas não ditas.e camas vazias e mau comportamento.alguma coisa precisa mudar.isso precisa ser rearranjado.me desculpe, eu não tinha a intenção  de machucar a minha pequena garota.é além de mim.eu não posso carregar o peso de um mundo violento.então boa noite.boa noite.boa noite.boa noite.boa noite.espero que essas coisas voltem ao normal.o quarto continua silencioso enquanto nós todos tentamos lembrar tão dificilmente como é se sentir vivo.o dia em que ele a viu pela primeira vez.alguma coisa precisa mudar.as coisas não podem permanecer as mesmas.você me faz pensar em alguém maravilhoso.mas eu não posso substitui-la.eu acordo toda manhã.desejando mais uma vez encontrá-la.alguma coisa precisa mudar.isso precisa ser rearranjado.me desculpe , eu não tinha a intenção de machucar a minha pequena garota.é além de mim.eu não posso carregar o peso de um mundo violento.então boa noite.boa noite.boa noite.boa noite.boa noite.boa noite.espero que essas coisas voltem ao normal.tanto para amar.tanto para aprender.mas eu não estarei lá para ensinar você.eu sei.eu posso ser fechado.mas eu tentei meu melhor para alcançar você.me desculpe, eu não tinha a intenção de machucar a minha pequena garota.é além de mim.eu não posso carregar
o peso de um mundo violento.então boa noite.boa noite.boa noite.boa noite.boa noite.espero que essas coisas voltem ao normal.."

(Maroon 5.Goodnight goodnight.):D

PS:não tô colocando mais trechos do "385 dias com Jake Carter" por enquanto, porque estou finalizando umas coisinhas..mas mais pra frente,colocarei novamente,certo? (=
PS do PS: sem muitos ps's por hoje..:T
PS do PS do PS: kisses and kisses..SLU..;*

segunda-feira, 15 de novembro de 2010

A gente pensa.



A gente pensa em tudo.A gente pensa em nada.A gente pensa.Pensamos em como o tempo passa rápido..em como a vida é,em certos aspectos,uma incógnita pra gente..de como as pessoas também são.A gente pensa em tudo.A gente pensa em nada.A gente pensa.Refletimos sobre todos os passos que nos trouxeram até o momento de agora..sobre como poderemos realizar todas as atividades do próximo dia com sucesso..até quando vamos ter aquela pessoa por perto..como as coisas mudam.A gente pensa em tudo.A gente pensa em nada.A gente pensa.Utilizamos nosso pensamento para resolvermos questões de todos os níveis de dificuldade..para analisarmos alguma coisa para que assim,possamos dar nossa opinião à respeito..para exprimirmos algumas palavras para alguém.A gente pensa em tudo.A gente pensa em nada.A gente pensa.E chegam alguns momentos em que pensamos besteiras..ou às vezes coisas que queremos denominar de "besteiras" pelo simples medo delas serem exatamente o oposto..delas serem fatos.E pensamos besteiras com músicas..com atitudes..com palavras..com pessoas..com sentimentos..com a vida,em si.A gente pensa em tudo.A gente pensa em nada.A gente pensa.E o que acontece quando a gente pensa?Queremos por muitas vezes dizer para outras pessoas o que pensamos..tá,mas e aí,existe algum problema nisso?Claro que não, se levarmos em conta que vivemos em sociedade e em nosso caso,numa democracia,onde todos somos livres para expor aquilo que achamos,mas se pararmos pra pensar,nem sempre devemos dizer tudo aquilo que a gente pensa..talvez por bom senso..talvez..talvez por não termos provas o suficiente para afirmar algo..talvez..e aí vem uma série deles ( talvez ).Talvez pelo fato de não conhecermos de verdade uma pessoa..e aí,as coisas vão surgindo e você se impressiona em como elas não eram como você julgava ser..e as coisas..e as pessoas te surpreendem..e isso pode ser bom ou ruim.E quando nos deparamos com esse tipo de situação a vontade é essa: falar sem pensar.Dizer tudo que vier na sua cabeça..sem pensar em sentimentos..momentos..consequências..nada..só pôr pra fora.Sim,mas,a gente não é proibido de falar.Não,não somos..muitas vezes temos mesmo que falar e falar e falar e mostrar nossa opinião..mas tudo tem um jeito..tudo tem uma razão..inclusive até de nem ser dita..citada..exposta.Em diversas ocasiões,o simples pensar em silêncio é a melhor saída.O falar através da mente pra você mesmo,é o melhor a se fazer.Pensar antes de falar,pensando até se isso é mesmo algo pra se falar é algo positivo.Nem sempre o impulso é algo legal.Nem sempre o pensar vai nos conduzir à bons resultados.Mas, é claro, que como sempre digo,tudo tem dois lados..e já que estamos em tantos devaneios assim,cabe a você,pensar no que pensar,em como pensar e como passar ou não esse pensar.A gente pensa em tudo.A gente pensa em anda.A gente pensa.Pense.Mas saiba pensar..e tomar conta dos seus pensamentos.Tome cuidado com seus pensamentos.A gente pensa.

(Thaís Tenório.):D

"..é bem melhor pensar sem falar..do que falar sem pensar.."

[Jô Soares.]:D


"..você e eu.costumávamos estar juntos.todo dia juntos,sempre.eu realmente sinto.que estou perdendo meu melhor amigo.eu não posso acreditar.que isso poderia ser o fim.parece, no entanto que você está deixando isso ir.e se isso for real.bem, eu não quero saber.não fale.eu sei o que você está dizendo.então, por favor, pare de explicar.não me diga.porque isso magoa.não fale.eu sei o que você está pensando.eu não preciso de suas razões.não me diga.porque isso magoa.nossas memórias.bem,elas podem ser convidativas.mas algumas são totalmente muito assustadoras.como nós morremos.ambos,você e eu.com minha cabeça em minhas mãos,eu sento e choro.não fale.eu sei o que você está dizendo.então, por favor, pare de explicar.não me diga. porque isso magoa.não fale.eu sei o que você está pensando.eu não preciso de suas razões.não me diga.porque isso magoa.está tudo terminado.eu consegui parar de fingir quem nós somos.eu posso nos ver morrendo.estamos?.não fale.eu sei o que você está dizendo.então, por favor, pare de explicar.não me diga.porque isso magoa.não fale.eu sei o que você está pensando.eu não preciso de suas razões.não me diga.porque isso magoa.não me diga. porque isso magoa!.eu sei o que você está dizendo.então, por favor pare de explicar.não fale.não fale.não fale.eu sei o que você está pensando.e eu não preciso de suas razões.eu sei que você é bom.eu sei que você é bom.eu sei que você realmente é bom.me acalme.quieto,querido.não me diga.porque isso machuca.."

(No Doubt.Don't speak.):D

PS: vi todo mundo postando nos blogs e bateu vontade lol..mas nem sei se ficou tão legal assim quanto os que eu li por aí..:T
PS do PS:dia bem legalzinho..espero que os que virão prossigam assim..(YN)
PS do PS do PS: sempre morro escutando essa música..#Fato..e ela estava na minha cabeça hoje..*-*
PS do PS do PS do PS: pensar..pensar..pensar..em tudo..em nada..em pensar..em não pensar..
PS do PS do PS do PS do PS: no mais..kisses and kisses..SLU..;*

sábado, 13 de novembro de 2010

Sim,ela sabe.



Ela não sabe se deve seguir nesse mesmo caminho.Ela não sabe se as oscilações de humor são algo realmente bom.Ela não sabe se está satisfeita.Ela não sabe quanto tempo mais de vida ela tem.Ela não sabe se ela sempre consegue se expressar bem.Ela não sabe se um dia ela poderá estar cara a cara com seus sonhos.Ela não sabe se amanhã será um dia de chuva ou sol.Ela não sabe se as pessoas a entendem ou se ela foge de qualquer entendimento.Ela não sabe se consegue ter as melhores saídas e procedimentos quando se depara com a fraqueza.Ela não sabe se é uma boa ou uma má pessoa..se é que pessoas podem realmente serem classificadas como tais.Ela não sabe se um dia abraçará seu anjo da guarda.Ela não sabe o significado de muitas coisas.Ela não sabe como podem existir pessoas que se acham superiores a qualquer forma de vida nesse planeta.Ela não sabe falar Alemão.Ela não sabe falar sobre alguns assuntos..mas de uma coisa ela sabe:ela sabe que um dia ela pode vir a saber.O saber é só uma questão de tempo,de vivência.Ela não sabe se deve continuar onde está.Ela não sabe se esse caminho é o certo..existe um caminho certo?.Mas ela sabe que existe um caminho.Ela sabe que existe um caminho..e sabe que pode escolher entre esse ou aquele.Existe um caminho.Ela sabe.Ela viu sua cabeça e seu peito.Ela caminhou.

(Thaís Tenório.):D

"..não há caminho errado..o aprendizado e a experiência estão em todos os caminhos.."

[Gasparetto.]:D

"..entenda as coisas que eu digo.não vire as costas para mim.porque eu passei metade da minha vida lá fora.você não faria diferente.você me compreende?.você me compreende?.você gosta de mim?.você gosta de mim estando lá?.você percebe? você sabe?.você me compreende?.você me compreende?.alguém se importa?.infelicidade havia quando eu era jovem.e nós não dávamos importância.porque nós fomos educados  para ver a vida como diversão e levá-la se pudermos.minha mãe,minha mãe me abraça.ela me abraçou quando eu estava lá fora?.meu pai,meu pai ele gostava de mim.alguém se importa?.entenda no que eu me tornei.esse não era o meu projeto.e pessoas de todo os lugares pensam alguma coisa melhor do que eu sou.mas eu sinto a sua falta.sinto a sua falta.porque eu gostava disso.porque eu gostava disso quando eu estava lá fora.você percebe?.você sabe?.você não me encontrou.alguém se importa?.."

(The Cranberries.Ode to my family.):D

PS: desculpem o texto não muito bom..tô meio com pressa..e não ando tão inspirada assim..#Fail..=s
PS do PS:dia 19 chegando *-* (YN)
PS do PS do PS: sem muitos ps's por hoje..ILU..kisses and kisses ;*






quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Algumas canções.


Costumo pensar que uma música tem cerca de trinta segundos para capturar a atenção dos meus ouvidos.É, normalmente, o tempo que a gente se permite escutar algo totalmente novo, antes de se entediar, passando para a próxima canção.É costumeiro eu ir passando um disco inteiro, ouvindo os primeiros segundos de cada música, até achar uma que me encante, mas que me encante rápido.Imediatismo?AHAM.Havia canções cujos refrões me cansavam.Refrões que eu não quero e não vou repetir.É que, certas vezes, a outra parte não percebe o quão prejudicial para a alma é ser lembrado a cada minuto dos nossos defeitos.São refrões que eu prometi para mim mesmo, não mais cantar.“E desde quando você acha que pode saber mais de mim do que eu?” – é o que tenho cantado.Próxima faixa.Tenho ouvido introduções marcantes.Mas as pontes, os pré-refrões, de tão empolgantes, têm gerado apenas frustração, pois invariavelmente tenho me deparado com refrões difíceis/incompreensíveis.Versos demais, rimas demais, notas difíceis de se alcançar, muitas delas feitas para não serem alcançadas.Se tu esperares demais do mundo, das pessoas ao teu redor, podes ter uma única certeza: a decepção, implacável eimpetuosa .“Coração vazio não bombeia sangue”.Eu quero assoviar uma melodia que me lembre alguém, mas eu não sei nem assoviar.Próxima.Próxima.Next!Tá.Um dia desses, eis que me invade os fones uma melodia nova.Eu jamais poderia dizer o próximo acorde que viria, pois tudo se desdobrava nos mais intrincados trechos, novas partes, em andamentos diferentes, mudando a cada maldito compasso .Em versão resumida: não consegui te decorar, não sei te tocar, e me pergunto algumas vezes por dia quando é que vou ouvir novamente, essa canção.A música estava no ar o tempo todo, eu é que estava usando fones.Passei o tempo todo despejando notas na tua melodia.Deixa que eu canto.Gostei de ti assim, instrumental.

(Lucas Silveira.):D

"..depois do silêncio, o que mais se aproxima de expressar o inexprimível é a música.."

[Aldous Huxley.]:D

"..apago as memórias que não vão voltar.esqueço as histórias pra quem vou contar.se aqui só você poderá me ouvir.um rádio tocando, uma voz a cantar.e eu só te olhando até você lembrar.e você ouve a mesma canção que eu.eu só queria uma música.pra acabar com o silêncio que ficou entre nós dois.eu só queria uma música.eu sempre me lembro daquele verão.final de novembro.e você ainda não sabia  se gostava de mim.o céu estrelado.uma noite normal.um beijo roubado te dizendo tchau.e você ouve a mesma canção que eu.eu só queria uma música.pra lembrar daquele dia que marcou para nós dois.eu só queria uma música.eu só queria uma música.pra dizer tudo o que eu quero sem me arrepender depois (para nós dois).até faria uma música pra você e ninguém mais.pra gente viver em paz.acho que eu fiz uma música pra você.."

(Fresno.Uma música.):D

Amber não sabia o que ia acontecer na vida dela depois daquela notícia.Depois daquela imagem.Depois daquele baque.Depois daquelas lágrimas.Depois daquela raiva,se é que podemos usar essa palavra.Ela só sabia de uma coisa: dias viriam pela frente..e ela tinha sensação de que os dias não seriam tão fáceis assim.Talvez ela estivesse levemente enganada.


..em breve..em "385 dias com Jake Carter" :D

PS: desculpem ter colocado um texto do meu 'divo' ( lol ) @lucasfresno e não meu..mas é que tô sem tempo.época  de provas e etecétera..aí já viu né..mas tinha que att isso aqui o.o
PS do PS:mas de certa forma,sempre me identifico com os textos dele *-* adoro muito *-*
PS do PS do PS: garanto que da próxima vez,como sempre digo,eu mesma farei um (=
PS do PS do PS do PS: no mais,ILU..beijos e beijos. ;*